segunda-feira, março 05, 2007

Minority Report

Como diria o Itamar Assumpção, venha até São Paulo relaxar, ficar relax. Foi o que fizemos, eu e Kenji. Cinco dias de pernas pro ar na minha terrinha.

A casa do Melk e da Renata é uma espécie de Pasárgada da gaita, da música, dos furões e da comida vegetariana. Eu adorei cada minuto que ficamos lá.

O festival no SESC, como sempre, foi excelente, não apenas pelas atrações, mas principalmente pelos amigos. Melhor ainda quando os amigos são as atrações, como esse ano. A Mari tocou e cantou, o Eisenger arrebentou com o trio gaita, violão e percussão e eu gostei muito, muito mesmo da apresentação do Vítor Lopes.

Também conhecemos a fábrica da Bends que fica em Ribeirão Pires, uma pequena e pacata cidade pertinho de Sampa. O Valdecir estava lá e me pareceu feliz, o que me deixou feliz também. Essa galera que dedica a vida a um instrumento, nesse caso a gaita, merece ser reconhecida.

Acho que a Bends tem tudo para dar certo e torço por isso porque o pessoal tem se esforçado um bocado para que as coisas aconteçam da maneira certa. Eu respeito pra caramba essa dedicação porque estou convencida que a perfeição só existe no campo do ideal, nada no mundo prático é perfeito, até porque a sua definição varia de cabeça para cabeça. Agora, desejar e atuar na realidade de maneira ética e responsável para alcançar o melhor resultado possível já são outros quinhentos. Acho que o pessoal da Bends tem feito isso o que já me parece bastante louvável e meio caminho andado para alcançar o objetivo.

A gente também visitou o abrigo para crianças que o pai da Renata mantém em Ribeirão Pires e foi muito legal. A meninada é linda, saudável e cheia de energia para brincar. Quem for conhecer a fábrica não deveria perder a oportunidade de ir ao abrigo também.

Enfim, conhecemos mais gaitistas e fizemos novos amigos. Como sempre.

Para fechar com chave de ouro ainda ganhamos, no show do Carlini na Livraria da Esquina, um pingüim gaitista da Beth. Eu nunca teria imaginado um presente melhor.

4 comentários:

Kenji disse...

bem vinda ao maravilhoso mundo da crônica gaitística :-)

Ricardo Soares disse...

vi com alegria que vc não gosta do nefasto ciro gomes... então olha e ajuda a divulgar esse blog contra ele...
http://cinevertigem.blig.ig.com.br/

Anônimo disse...

Uai Lud é paulista? Sempre te achei tão mineira... acho que foi excesso de pão de queijo... ;o)

Lu disse...

Eaqueci de me identificar no comentário anterior